Wild Bull Steakhouse

A primeira análise da nova série de posts com reviews de restaurantes e comidíneas vem pra arrasar!

Nós visitamos uma das novas steakhouses da região sul fluminense, na cidade de Volta Redonda.

Wild Bull Steakhouse

A proposta do restaurante:

O Wild Bull Steakhouse é um restaurante genuinamente americano e desde sua culinária até sua aparência, tudo foi pensado para que todos que entrem aqui se sintam em um pedacinho da América!

Com receitas próprias oferecemos o melhor da gastronomia norte americana, como os Steaks de carnes nobres e apenas dos melhores cortes.
Mas aqui não esquecemos do nosso Brasil e dentro do Menu você encontrará combinações únicas que irão lhe proporcionar uma experiência gastronomica inesquecível. Queremos que seus melhores momentos aconteçam aqui por isso, contamos com uma equipe altamente treinada para lhe oferecer o melhor atendimento, desde a cozinha até a sua mesa.

Localização

O local é muito legal, bem localizado, fácil de chegar – não conhecíamos absolutamente nada do Retiro mas com o Google Maps chegamos com facilidade. Tem um estacionamento generoso, com manobrista, se precisar.

Nas duas vezes que fomos (um sábado e um feriado) estava bem vazio, não fizemos reserva nem nada.

Foto retirada do site oficial.
Foto retirada do site oficial.

Ambiente

A decoração é lindíssima, na pegada americana dos sports bar, várias telas passando futebol americano ou esqui ou esportes radicais, bandeiras e banners de times americanos nas paredes. A choppeira é linda, o balcão é super típico. Há mesas redondas para grupos maiores, e há mesinhas com sofá para casais.

Iluminação amarela aconchegante, embora ligeiramente opressiva – naquele estilo ‘luz de frango’ (sabe aquelas lâmpadas fortes e amarelas que são colocadas sobre a comida para que se mantenha quentinha? Tipo isso!). Sofremos com o calor.

O banheiro é lindo! Tem até poltroninhas na entrada, uma graça! Super limpo, arejado e grande. Há cabines acessíveis para cadeirantes e há local apropriado para troca de fraldas.

A música ambiente ficou por conta de canais de videoclipes, o que eu acho ponto positivo por dois motivos: primeiro, agrada a gregos e troianos – a menos que sua companhia seja meio enjoada; segundo, não fica enjoativo, com 15 músicas de um artista que você não curte, por exemplo. Não tem música ao vivo, o que é outro ponto positivo.

O local é bem adaptado para cadeirantes.

Não tem espaço para crianças.

Atendimento

O atendimento foi bem mediano.

As hostesses gente, como escreve hostess no plural? vou dobrar todos os sss hahaha são umas gracinhas, simpáticas e atenciosas. Já os garçons são bem regulares, no estilo ‘tô fazendo meu trabalho e fim’, sem gentilezas, sem aquela pró-atividade esperada de um ambiente tão fancy.

Queríamos utilizar a promoção de chopp do Kong Ofertas, mas o garçom colocou milhares de empecilhos, discutiu, disse que a gente podia consumir e que depois ele abateria, mas mesmo assim não computou nosso voucher na hora de fechar a conta.

Caraca, Shepps, você é exigente! O garçom era tão ruim assim? Nem sou exigente, mas num bar vazio, com no máximo 2 mesas pra cada garçom em pleno feriado, com cobrança de 10%, não custa nada ser um pouco mais gentil, né? Enfim.

Foto retirada do site oficial.
Foto retirada do site oficial.

O menu é bem diversificado, com opções de carnes, peixes, frangos, saladas. Quem é celíaco come bem, quem é vegan come bem também, quem é low carb então, se esbalda. Há um menu infantil bem honesto. O preço achei ok para a proposta, mas caro para o que foi oferecido.

Como fomos comemorar um aniversário, acabamos não pedindo os steaks – que são os pratos principais. Ficamos apenas nos apetizers. Mas a equipe Bad Rain promete que retorna no Wild Bull Steakhouse em breve para experimentar os steaks e resenhar aqui para vocês.

Comida

A comida é muito clichê de restaurante americano. Não tem nada típico ou especial da casa. Cortes de carne nobres, costela suína no estilo Outback, coxinhas de frango e cebola empanada, essas coisas. Não seria um ponto negativo, porém precisaria ter um temperinho bem gostoso, um TCHAN, algo que destacasse do resto. Mas não teve.

E nem adianta achar que a Shepps é muito enjoada, não. No meu grupo de 8 pessoas, todos comedores e bebedores profissionais, a opinião foi unânime: é bom mas falta muito para ser memorável, em matéria de comida.

Chopp Amstel

Quanto custa: R$ 7,90

Review: Chopp gelado, na caneca de 500 ml congelando, no estilo zero grau. O garçom repõe com bastante rapidez, e tira sem colar – conforme pedimos. Nota 10!

Chopp Wild Bull

Wild Bull Wings

O que diz o menu: Sobreasas de frango empanadas com um mix de temperos especiais, acompanhadas de molho Blue Cheese e aipo. 

Quanto custa: R$ 36,90

Review: Não pediria novamente. Nas duas vezes que fomos lá pedimos essa asinha, e nas duas vezes vieram com cara de requentada, meio murcha, meio ressecada. Achei bastante cara para o tamanho da porção. No entanto, o molho blue cheese estava bem gostoso. O de pimenta, por outro lado, era daqueles molhinhos industrializados sem graça e sem alma. Não vi nem a cara do aipo.

Wild Bull Wings

Cheese Potato

O que diz o menu: Grande porção de batatas fritas, cobertas com queijos cheddar, muzzarela e bacon picado.

Quanto custa: R$ 32,90

Review: Honesta. A porção é generosa, vale o preço e cumpre o que promete. Veio bem quentinha e não demorou quase nada.

Cheese Potato

Onion Rings

O que diz o menu: Cebola empanada artesanalmente com tempero especial da casa.

Quanto custa: R$ 18,90

Review: É honesto. Apenas isso. Veio bem quentinha a porção, um tamanho pequeno para o preço. Não demorou quase nada. Só que é bastante sem gracinha, não tem muito tempero, não tem alma nenhuma.

Onion Rings

Petit Gateau

O que o menu diz: Petit Gateau com sorvete de creme e calda de chocolate

Quanto custa: R$ 19,90

Review: Achei bem ruim, pra ser sincera. O bolinho – que tinha nozes ou amêndoas na massa, tipo um brownie –  estava com gostinho de queimado, não estava quentinho e a ‘calda’ era calda industrializada de sorvete, não aquela calda gostosinha que você espera quando pede petit gateau. O sorvete é bem ok. Essa cereja não é cereja, é goma – o que foi uma facada no meu coração.

Petit Gateau

Resumo

Vamos voltar lá para experimentar os steaks, mas dependendo de mim, não pediremos nenhum apetizer de lá.

Tabela - Wild Bull

Você já foi? O que achou?

Beijo <3

 

comments